home instagram face FAQ ops bye
Eu estava aqui o tempo todo, só você não viu[...]
THEME ©

Eu não entendo por quê as baratas invadem a minha casa se eu não entro no esgoto pra invadir a casa delas



Depois de ir tão longe por alguém, desculpe, mas eu não quero mais ninguém.

Kaká Reis.    (via sonhosdesperdicados)


Tinha tantas coisas pra eu me apaixonar em você, e eu me apaixonei logo pelo teu defeito.

— Esma Rithieley


Ela sorri fácil, isso já notei, então penso alguns segundos antes sobre que tipo asqueroso de babaca faz aquele tipo de garota chorar em cafeterias fechadas, às dez da noite.

Gabito Nunes.  (via classificar)



Você só conhece mesmo uma pessoa quando tem com ela uma briga. Só então pode avaliar seu verdadeiro caráter.

O Diário de Anne Frank. (via univerbos)


Quando a gente se decepciona tem vontade de jogar tudo pro alto. Desistir. Deixar de ser besta. Mudar de vida, de amizades, sumir. A gente tem vontade de ser outra pessoa. Na hora a gente não entende que se decepcionar é essencial. E que as decepções apenas fazem terreno para que momentos felizes cheguem. E quando eles chegam, tudo faz sentido. Que venha mais uma decepção, e que com ela, um pontinho de felicidade venha logo depois.

milaahb.  (via on-repairs)


De vez em quando fico triste do nada, com motivo ou sem motivo. De vez em quando fico feliz do nada, com razão ou sem razão.

Clarissa Corrêa (via umadosedevoldka)




Seu sorriso faz o meu dia mais feliz.

— Daiane Ribeiro (Sonhos Desperdiçados)




O pai entra no quarto do filho e vê um bilhete em cima da cama. Ele vai até lá, já temendo o pior, e começa ler o seguinte: “Caro Papai, É com grande pesar que lhe informo que eu estou fugindo com meu novo namorado, Juan. Estou apaixonado por ele. Ele é muito gato, com todos aqueles “piercings”, tatuagens e aquela super moto que eu adoro. Mas não é só por isso. Descobri que não gosto de mulheres e como sei que o senhor não vai consentir, vamos fugir e seremos muito felizes num “trailer”. Ele quer adotar filhos comigo, e foi tudo que eu sempre quis para mim. Aprendi com ele que maconha é ótima, é uma coisa natural que não faz mal pra ninguém. E ele garante que no nosso pequeno lar não vai faltar marijuana. Juan acha que eu, nossos filhos adotivos e os seus colegas “gays” vamos viver em perfeita harmonia. Não se preocupe papai, porque eu já sei me cuidar. Apesar dos meus 15 anos, já tive várias experiências com outros caras e eu tenho certeza que Juan é o homem da minha vida. Um dia eu volto, para que o senhor e a mamãe conheçam os nossos filhos. Um grande abraço e até algum dia. Com amor Seu filho” O pai, quase desmaiando, continua lendo. “PS: Pai, não se assuste. É tudo mentira e estou na casa da Mariana, nossa vizinha gostosa. Só queria mostrar pro senhor que existem coisas muito piores que as notas vermelhas do meu boletim, que está na primeira gaveta. Abraços, Seu filhão. Burro, mas macho.”

cenoura-pra-lhamas: